Os perigos de um brinquedo inofensivo

No final de outubro passamos por um susto enorme com o Artur, meu filho caçula de 5 anos… Como é algo que pode acontecer com outras crianças decidi postar aqui como alerta…

A algum tempo atrás ele ganhou de brinquedo uma destas cartelas de “skateboard de dedo”, daqueles que vem com rodinhas de cores diferentes e com ferramentas em miniatura para criança poder trocar as rodas do brinquedo.

Você ve a chave circulada na cartela acima? Então, ele estava brincando com o skate e enquanto testava a nova rodinha, acabou colocando uma chave igual a esta na boca para “ficar com as mãos livres”, e acabou por engolir a mesma por acidente, como podem ver pela radiografia abaixo :(

Apesar do susto que levamos quando ele chegou correndo dizendo que tinha engolido uma chave de fenda (???)  e que precisava vomitar, ele não se machucou no episodio.

Corremos com ele para o hospital e perdemos um sabado inteiro no Albert Einstein aqui em São Paulo, pois a chave teve que ser removida por endoscopia.

Até este acontecimento se alguem me dissesse que o filho havia engoligo uma chave de fenda, eu ia achar que era uma brincadeira de mau gosto :\

Desta forma, fica o alerta… Se você tem filhos pequenos evite ao máximo que eles tenham brinquedos pequenos, por mais inocentes que o brinquedo seja, pois mesmo um brinquedo aparentemente inofensivo pode nos dar uma bela dor de cabeça.

[ ]´s Edson

One Response to “Os perigos de um brinquedo inofensivo”

  1. E o “interessante” disto é que a lei brasileira considera que este tipo de brinquedo não é recomendável para crianças até 3 anos, dando aos pais de crianças um pouco maiores uma falsa sensação de segurança.

    De qualquer forma, a imensa maioria dos acidentes graves com crianças acontece mesmo em casa, com objetos familiares.